Agro NegóciosGestão no CampoNotícias

Preço do boi gordo dispara e sobe R$ 5 em Goiás, aponta Safras

0

Com a elevação, a arroba chegou a R$ 205 na praça goiana nesta segunda-feira, 22. Em São Paulo, foram registrados negócios a R$ 211 por arroba.

Os preços do boi gordo voltaram a subir em algumas praças nesta segunda-feira, 22. Segundo o analista da consultoria Safras & Mercado Fernando Henrique Iglesias, os frigoríficos seguem trabalhando com escalas de abate apertadas, principalmente aqueles que atuam no preparo dos embarques destinados ao mercado chinês. “A disputa por animais que cumpram os requisitos dos importadores chineses segue muito acirrada”.

No mercado doméstico o relaxamento da quarentena em alguns estados ainda é um elemento que justifica a intensificação da alta dos preços. Também, a oferta de animais terminados permanece restrita, em um período de transição entre safra e entressafra bastante difícil.

Na capital de São Paulo, os preços no mercado à vista passaram de R$ 209 para R$ 211 por arroba. Em Uberaba (MG), subiram de R$ 204 para R$ 205. Em Dourados (MS), foram de R$ 200 para R$ 201 por arroba. Em Goiânia (GO), o preço indicado foi de R$ 200 para R$ 205. Já em Cuiabá (MT), subiu de R$ 183 para R$ 184.

Atacado

No mercado atacadista, os preços da carne bovina voltaram a subir, em movimento atípico para esta época do ano, normalmente pautada por uma lenta reposição entre atacado e varejo.

Conforme Iglesias, o relaxamento da quarentena em São Paulo ainda gera otimismo, no entanto, seguem as preocupações com o crescimento dos casos em determinadas regiões do país.

A ponta de agulha ficou em R$ 11,85 o quilo, contra R$ 11,55 o quilo na sexta-feira. O corte dianteiro passou de R$ 12,25 por quilo para R$ 12,55 o quilo, e o corte traseiro aumentou 45 centavos, passando para R$ 13,45 o quilo.

Fonte: Canal Rural

Créditos Imagem: Imagem de Shutterbug75 por Pixabay

Gestão no Campo

Decifrando o Plano Safra 2020/2021: entenda os destaques do novo programa

Previous article

Saúde das aves depende de equilíbrio intestinal

Next article

You may also like

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *